O empréstimo pessoal online no carnê tem definida uma data de vencimento de cada parcela, assim, você consegue visualizar o valor de cada uma. A partir disso, você paga cada parcela mês a mês.

As razões para o consumidor querer pagar as parcelas do empréstimo por meio do carnê ou de um boleto são muitas, por mais que não seja um método muito confiável de efetuar o pagamento. O crediário pode se esquecer de pagar na data ou o carnê pode ser extraviado. Encontre tudo sobre empréstimo pessoal online no carnê nesse artigo.

Saiba tudo a respeito do empréstimo pessoal online no carnê

Não é de hoje que o mercado financeiro tem se desenvolvido cada vez mais para melhorar a qualidade e o tempo dos serviços prestados. Uma dessas mudanças está na forma em que analisam e aprovam uma solicitação de empréstimo, por exemplo. Os sites, plataformas e aplicativos de crédito fazem isso tudo com rapidez e facilidade na gestão do processo, sem muitas burocracias.

Além disso, os custos de um empréstimo solicitado online tendem a ser menores no que diz respeito a taxas de juros. A forma de reembolso dos empréstimos concedidos também vem mudando. Apesar de ser arriscado, as financeiras online têm aprovado propostas de pagamento mais ousadas como por exemplo o empréstimo com pagamento no carnê ou no boleto. 

Porém, o carnê é bastante útil para quem deseja ter um controle maior de suas dívidas e pagar todas as pendências, além de ser um modo de parcelar o empréstimo solicitado em suaves prestações. De qualquer forma, seja no carnê ou no boleto, o truque é pesquisar sobre todas as modalidades de empréstimo para encontrar uma que caiba no seu orçamento e esteja de acordo com a sua situação. 

O que é um carnê?

O carnê nada mais é, no quesito funcionalidade, do que uma forma de pagar um dinheiro que foi feito em uma financeira ou de pagar, em parcelas, um produto que comprou e não tem condições financeiras de pagar à vista. 

Trata-se de um título compondo todos os dados pessoais do crediário, assim como o valor a ser pago e a data do prazo de pagamento. Isso é colocado em uma espécie de bloquinho com todas as parcelas separadas para que sejam pagas mensalmente. Funciona como se fosse um bloquinho cheio de boletos, com cada parcela em uma folha.

Como funciona um empréstimo pessoal online no carnê?

Nos dias atuais, a grande maioria das operações financeiras podem ser feitas online, seja no computador, no celular pelo aplicativo da financeira ou por meio de um tablet. Isso costuma faze com que a realização de um pagamento para o reembolso das parcelas seja feito em carnê, ou gerando boletos todos os meses que serão enviados ao mutuário.

Seja qual for a modalidade de crédito escolhida, fazê-lo ou não pelo carnê é uma decisão feita na hora de contratar o empréstimo. Para isso, é feita uma simulação pela instituição financeira ou por um correspondente bancário online e em seguida a empresa bancária faz uma análise do pedido e do cadastro do consumidor.

Caso o empréstimo seja aprovado, é mandando então um carnê para o endereço cadastrado com os valores e datas em que deve se pagar a parcela para quitar a dívida. O empréstimo pelo carnê pode facilitar o planejamento do crediário, uma vez que, já que terá todas as parcelas em mãos, ficará mais fácil consultar quantas ainda faltam para serem pegas ou se já fez o pagamento do valor mensal.

O pagamento do empréstimo pelo carnê tem, geralmente, um prazo para seu pagamento total de até 12 meses.

Quais as diferenças de um empréstimo online no carnê e no boleto?

Apesar dos dois métodos de pagamento serem parecidos, existem algumas diferenças que devem ser levadas em conta na hora de escolher um. 

No caso do boleto, o consumidor irá receber mensalmente um documento para ser pago no banco, na casa lotérica ou debitado de sua conta-corrente. É um título de cobrança que será disponibilizado pela financeira na qual foi solicitado o empréstimo online. O boleto então pode ser impresso e assim ser pago da forma que desejar. 

Em contrapartida, no caso do carnê, o cliente receberá um bloquinho com todas as parcelas a serem pagas. Não é necessário imprimi-lo ou esperar a chegada de um boleto. Basta debitar o dinheiro da conta ou ir até o banco realizar o pagamento da parcela do mês.

Além de ajudar na hora de organizar o pagamento da dívida do empréstimo, o carnê também serve para comprovar o empréstimo e o pagamento das parcelas, caso seja necessário.

Onde contratar um empréstimo pessoal online no carnê?

Para que seja possível pegar um empréstimo pessoal online por meio do carnê, é preciso antes pesquisar uma financeira regulamentada e que trabalhe com essa forma de emprestar o dinheiro. Também pode ser um correspondente online, que oferece mais opções de créditos e taxas de juros menores do que as dos bancos convencionais.

Após a simulação, basta solicitar a proposta que mais cabe no seu orçamento e na situação em que o dinheiro será aplicado. Depois, é só preencher um cadastro simples com alguns dados, o que pode ser finalizado em minutos. Em seguida, a proposta passará por uma análise de crédito para que a empresa tenha a garantia de que receberá o dinheiro de volta. 

Se aprovado, o  cliente deve escolher um método de pagamento para as parcelas do empréstimo, disponíveis no site da empresa. Caso o crédito seja pré-aprovado, basta decidir quais são as parcelas ideais para seu bolso, escolher a financeira e aguardar o retorno, positivo ou negativo. Em seguida, deve escolher o método de pagamento. O dinheiro costuma ser depositado na conta-corrente em até 48h.

É confiável fazer um empréstimo pessoal online no carnê?

Muitas pessoas ficam receosas em realizar operações financeiras pela internet. Porém, desde que tomem todas as precauções, é totalmente seguro. 

No caso do empréstimo pessoal online no carnê ou pelo boleto, a parcela é enviada para o e-mail do consumidor. Algumas empresas credoras oferecem acesso por um aplicativo ou no sistema via site, onde o boleto pode ser impresso, por exemplo. Além disso, as empresas bancárias também podem utilizar o sistema de QR CODE, onde o pagamento é feito de forma instantânea. 

As precauções a serem tomadas são, em sua maioria, a respeito da financeira escolhida para realizar o empréstimo. É bastante comum aquelas que aplicam golpes oferecerem crédito fácil e financiamento pago pelo carnê ou pelo boleto, pedindo que seja realizado um pagamento antecipado. Se a empresa pediu qualquer tipo de depósito para fazer o empréstimo, recuse. 

Quem pode fazer um empréstimo online no carnê?

A contratação do empréstimo pessoal online no carnê pode ser realizado por qualquer pessoa que possuir, no mínimo, 18 anos de idade e que tiver a documentação pessoal regularizada, ou seja, que possui RG e CPF ativos.  Também é preciso possuir um comprovante de endereço e de salário ou renda na hora de solicitar um empréstimo.

Entretanto, para o consumidor que está com registro no CPF e o relatório da análise de crédito acusar de nome negativado, o empréstimo pessoal online no carnê pode ser recusado. Porém, existem outras alternativas para quem está com o nome sujo e precisa de um empréstimo, como por exemplo o empréstimo com garantia e o empréstimo próprio para negativados.

Como funciona o empréstimo online no carnê para autônomos?

Geralmente, o trabalhador autônomo deve recorrer a alternativas na hora de pedir um empréstimo que exija comprovação de renda. Contudo, é possível pagá-lo por meio de um carnê, a depender de cada instituição financeira.

Mesmo sem ter um valor fixo mensal a ser recebido, o trabalhador autônomo possui rendimentos que podem ser comprovados de outras formas. Uma dessas formas é a emissão de notas fiscais. Há também o extrato bancário, cujo o valor de dinheiro que entra e sai pode ajudar a comprovar a renda. 

Quem é Microempreendedor Individual (MEI) pode utilizar também a declaração anual do MEI e até mesmo a declaração do Imposto de Renda para comprovar que recebe pelo trabalho exercido. Ainda assim, pode ser que o pedido de empréstimo seja negado por conta da financeira escolhida.  

Logo, é importante que faça a simulação em mais de uma empresa bancária para compará-las entre si e verificar quais oferecem empréstimo para MEI por um preço razoável. Uma alternativa também é pesquisar a respeito de outras modalidades de linha de crédito que aceitem a comprovação de renda de forma diferenciada.

É possível parcelar o empréstimo online no carnê ou boleto?

Todos os empréstimos possuem diversos métodos de pagamento. Contudo, o mais comum é a divisão da dívida em parcelas mensais. Esse é também o método aplicado no caso do empréstimo online no carnê ou no boleto, 

O número de parcelas a serem pagos até que a dívida do empréstimo seja quitada vai depender do que foi acordado na hora de solicitar o crédito. Além disso, o tipo de linha de crédito também interfere, uma vez que existem aqueles com prazos mais longos, como o empréstimo de garantia de imóveis. Devido ao longo prazo, as taxas de juros também são as menores do mercado.

Após ser feita a análise de crédito, o crediário irá receber uma série de propostas, com prazos de parcelamento e taxas de juros diferenciadas. Deste modo, é o consumidor quem escolhe a quantidade de parcelas em que essa dívida será dividida. 

Outros modos de pagamento

Além de pagar um empréstimo pessoal online no carnê ou no boleto, o mercado financeiro também oferece outros métodos de pagamento da dívida. A mais comum é o desconto na conta-corrente, que ocorre quando o consumidor realiza o empréstimo na empresa bancária em que se é correntista.

Apesar disso ajudar no planejamento de permitir que o pagamento seja feito de modo automático, existe a desvantagem de que a financeira exige que o consumidor seja cliente da instituição. Assim, se por meio de uma simulação ver que a outra instituição tem menores taxas do que a sua, será obrigado a abrir uma conta na mesma para ter acesso ao empréstimo. Isso é feito para prejudicar a concorrência.

Outro método bastante comum é o de fazer o empréstimo com desconto em folha de pagamento. Essa opção costuma ser mais utilizada por aposentados e pensionistas INSS e servidores públicos. Neste caso, a empresa na qual o consumidor trabalha deve ter um convênio com a financeira escolhida, limitando as opções de outras instituições, uma vez que o crediário só pode realizar o empréstimo naquela que for do convênio.

Além dos citados, existem outros métodos de pagamento menos comuns como o empréstimo no cheque e no cartão de crédito. Contudo, são as opções com as maiores taxas de juros do mercado. No caso do cheque, é mais raro encontrar financeiras que realizam esse tipo de empréstimo, uma vez que o cheque especial está defasado.

Concluindo

Como pode ver, o empréstimo pessoal online no carnê é um aliado para a sua saúde financeira, desde que bem administrado. É preciso se programar na hora de realizar um empréstimo. Ver exatamente o quanto de dinheiro precisa e assumir somente as parcelas que possa pagar mensalmente, sem atrasos.

Um empréstimo só pode comprometer até 30% da sua renda mensal, de modo que é preciso organizar todo seu orçamento e ver quanto poderá desembolsar mensalmente para pagar a dívida. É preferível passar mais tempo pagando, ou seja, parcelar em mais vezes, do que não conseguir honrar o compromisso assumido. 

Gostou do texto? Faça uma simulação de empréstimo com a gente!  Compartilhe e deixe a sua opinião, queremos saber. Que saber mais sobre o assunto? Veja:

endImage

A CashMe não realiza qualquer atividade privativa de instituições financeiras, como financiamentos e/ou empréstimos. Essas operações são realizadas através de parceiros autorizados pelo BACEN, nos termos da Resolução nº 3.954, de 24 de fevereiro de 2011. As operações são realizadas através das seguintes instituições: Companhia Hipotecária Brasileira – CHB (CNPJ 10.694.628/0001-98), Companhia Hipotecária Piratini – CHP (CNPJ 18.282.093/0001-50). Empresa do Grupo Cyrela

Informações complementares referentes ao Empréstimo com Garantia de Imóvel: mínimo de 36 meses e máximo de 120 meses. “””Exemplo – Empréstimo de R$ 200.000,00 para pagar em 15 anos (180 meses) com LTV de 43,3% (sendo R$ 200.000,00 + despesas acessórias, para um apartamento avaliado em R$ 500.000,00) – Prestação inicial de R$ 2.685,09, com uma taxa de juros de 0,99% ao mês + IPCA, Sistema de Amortização Tabela Price. CET de 13,04% ao ano.”””


O cashme.com.br (“Website”) é pertencente e operado pela Cyrela Brazil Realty Empreendimentos e Participações (“CashMe”), uma sociedade anônima registrada sob o CNPJ/MF 73.178.600/0001-18

A CashMe, por sua vez, possui sede na Rua Olimpíadas, 242, 4º andar, CEP 04551-000, na cidade de São Paulo/SP.