Se você está pensando em adentrar ao mercado de investidores, já deve estar ciente sobre a quantidade de conhecimentos que serão necessários para conseguir desempenhar suas tarefas. E o título prefixado é um destes.

Afinal, existem diversas maneiras de se investir dentro do mercado de ações, e cada um deste ainda dispõe da própria base e de suas próprias contas. E toda oportunidade, se bem aproveitada, poderá ser lucrativa.

Por tal motivo, no artigo de hoje, apresentaremos para você, nosso caro leitor, quando pode valer a pena investir em título prefixado, e por que isso pode ser algo interessante para se investir.

Aproveite e boa leitura!

Título prefixado pode lhe trazer bons lucros

Antes de mais nada, vale a pena explicar do que realmente se trata um título prefixado. Estes se tratam dos títulos que permitem que seu proprietário possa saber com exatidão quanto poderá resgatar caso leve o próprio até a data de vencimento.

Ou seja, eles dão a previsão necessária para aqueles que desejam saber o que podem lucrar no máximo com a ação. Isso faz com que este se torne atraente para quem tem insegurança em relação aos seus ganhos.

Essa modalidade de remuneração é adequada para quando é detectado uma perspectiva de queda na taxa básica de juros da economia ( logo, quando a taxa Selic aparenta queda) no futuro, até a data de vencimento do mesmo.

Título prefixado: diferenças entre eles

Entre os prefixados, há, basicamente, dois tipos de títulos: o Tesouro Prefixado (LTN) e o Tesouro Prefixado com Juros Semestrais (BTB – B).

O Tesouro Prefixado possui de uma característica muito peculiar: Seu nominal de resgate sempre será o mesmo. Este equivale a R$ 1.000,00. O que é variável neste é apenas o seu preço de compra.

Logo, quanto maior a perspectiva de aumenta da Taxa Selic até a data de vencimento prevista no LTN, menor será o valor de aquisição do lucro, fazendo com que o proprietário acabe recebendo um lucro que, talvez, não lhe seja satisfatório.

Já o Tesouro Prefixado com Juros Semestrais (NTN-B) também é considerado um título prefixado. Mas este possui uma característica especial: ele paga um cupom de juros semestral, o que o torna ideal para quem deseja obter renda passiva.

Uma ótima estratégia para quem quer se aposentar seria aplicar o dinheiro nestes títulos. Afinal, uma vez a cada 6 meses, o investidor irá obter uma renda proveniente de seu próprio investimento.

Esse título não é adequado para estratégias que tem seu objetivo o reinvestimento dos rendimentos obtidos. Esses rendimentos estarão sujeitos à tabela regressiva de Imposto de Renda e esse desconto reduziria o montante a ser reinvestimento. Para esses casos, o melhor será manter o LTN.

Logo, este pode estar sendo interessante para aqueles que procuram oportunidades de aumentar a sua própria cartela. Por mais que o mesmo não seja interessante de se reinvestir, ao primeiro momento, ele é muito atraente de se possuir em sua propriedade.

Em relação a data de resgate e seu valor, o acionista irá receber os R$ 1.000,00 em adicional ao último pagamento de juros, fazendo com que seu resgate seja mais atraente para aqueles que apostam no mesmo.

Título prefixado: variação

Assim como ocorre no caso do LTN, o NTN – B também sofrerá divergência caso ocorra o resgate antecipado do lucro por parte do investidor. O ganho ou perda em razão da flutuação do preço do título no mercado por ocasião deste o torna muito volátil, fazendo com que essa movimentação deixe de ser interessante.

Bem, ao menos, deveria. Ao depender da situação do próprio acionista e seus objetivos podem levar um destes a realizar o resgate antecipado. Tudo irá depender daquilo que o próprio deseja fazer com seus títulos.

Afinal, estratégias diferentes possuem abordagens diferentes, que serão adequadas para o estilo do próprio acionista.

Mas, é sempre preciso estar atento à taxa Selic quando se possui este tipo de título. Os valores destes irão variar, e podem vir até a flutuar muito mais do que se espera, visto que, caso seja resgatado em um período desfavorável, poderão implicar em grandes perdas. Ou, quem, sabe, ganhos.

Uma redução nas taxas de juros de mercado em relação a taxa de compra de título provoca aumento no preço do mesmo. Já o aumento nestas proporciona o efeito contrário, o que significa que o acionista irá perder dinheiro em títulos de renda fixa, caso venda este antes da data.

Título prefixado é um ótimo investimento

Ao depender do que deseja, este pode ser um dos melhores investimentos para se realizar, visto que, mesmo com sua variação, este ainda é um dos melhores quando falamos de lucros previstos.

E para aqueles que desejam se tornar investidores, aqui na CashMe oferecemos a oportunidade perfeita para conseguir o seu crédito e conquistar aquilo que deseja. Conosco, você vai mais longe!

Veja também:

Como aplicar marketing pessoal no seu cotidiano

Entenda o conceito de subscrição de ações

Consumo sustentável: entenda tudo sobre o assunto

Gostou do texto? Faça uma simulação com a gente! Compartilhe e deixa a sua opinião, queremos saber.

Visite o nosso Instagram