Quais são as principais funções de um zelador de condomínio?

ícone de calendario

Atualizado:
23/11/2020

ícone de calendario

Publicado:
19/11/2020

ícone de relógio

Leitura de
5 min

ícone de conversa

Comentarios
0

CashMe

CashMe


O nome já é auto explicativo, o zelador é o profissional responsável por zelar pelo bom funcionamento das atividades de um condomínio. É ele quem deve liderar outros funcionários, cuidar das rotinas, tarefas e manutenção dos espaços para garantir a qualidade e segurança dos usuários.

Considerado o braço direito do síndico, é ele quem está todos os dias circulando pelo prédio solucionando e coordenando as mais diversas tarefas, da entrega de correspondência à garantia do pleno funcionamento dos sistemas hidráulicos, elétricos e dos elevadores, além de fiscalizar o cumprimento do regimento interno.

E são esses os pontos que tornam o papel do zelador tão fundamental dentro de um condomínio. Entretanto, é muito comum esse profissional também ter o papel de “faz tudo”, o que, invariavelmente, gera sobrecarga de trabalho e acúmulo de função, o que pode até gerar um processo trabalhista contra o condomínio.

Dessa maneira, é importante que você tenha muita clareza sobre quais são as funções e responsabilidades do zelador. Por isso, levantamos aqui os pontos mais importantes que você precisa levar em consideração na definição de atribuições deste profissional.

Mas antes de começarmos é importante que você entenda:

A diferença entre o síndico e zelador

Se o zelador tem a função de cuidar dos funcionários, dos espaços comuns, de fazer cumprir as normas e regimento, você pode estar se perguntando qual é o papel do síndico.

Essa é uma pergunta comum, pois muitas pessoas não sabem que existem diferenças definidas em lei entre os dois profissionais. De maneira bem objetiva, a principal diferença entre os dois é que o síndico foi eleito por uma assembleia para ser o representante legal do condomínio. Responde civil e criminalmente pela gestão condominial do prédio ou edifício.

Além disso, o síndico possui um período de mandato determinado e pode ser reeleito, conforme esteja previsto na convenção do condomínio. Já o zelador é um funcionário do condomínio, com registro em carteira e não tem uma data para ir embora, pois esse é o seu emprego.

Contudo, é importante destacar que qualquer trabalho que exceda esse escopo pode ser vinculado ao condomínio e caracterizar horas extras. Assim como todos os outros direitos trabalhistas em uma possível ação judicial.

Sendo assim, o zelador de condomínio está ali independente do síndico.

Atribuições legais do zelador

De acordo com as atribuições trabalhistas da categoria que estão previstas nas convenções dos sindicatos regionais, o zelador é o profissional a quem compete as seguintes tarefas:

  • Ter contato direto com a administração do edifício e agir como preposto do síndico ou da administradora credenciada;
  • Transmitir as ordens emanadas dos seus superiores hierárquicos e fiscalizar o seu cumprimento;
  • Fiscalizar as áreas de uso comum dos condôminos ou inquilinos, verificar o funcionamento das instalações elétricas e hidráulicas do edifício, assim como os aparelhos de uso comum, além de zelar pelo sossego e pela observância da disciplina no edifício, de acordo com o seu regimento interno ou com as normas afixadas na portaria e nos corredores.

Além disso, mesmo legalmente, o zelador deve sempre repassar ao síndico os problemas ocorridos na sua ausência. E isso não significa que ele é o vice ou sub síndico.

Outro ponto muito importante e defendido pelos sindicatos é que o zelador é funcionário do condomínio e não dos usuários ou moradores. Sendo assim, esses não podem demandar do tempo do zelador e nem ordenar que o profissional faça determinado serviço naquele momento, sem a autorização prévia do síndico.

Nos casos em que o zelador for terceirizado, como ocorre em alguns condomínios, as ordens ou qualquer assunto que precise ser alinhado com o profissional devem ser passadas para a empresa terceirizada a fim de evitar vínculo trabalhista com o funcionário.

Aqui é importante estar atento ao fato de que as atribuições podem variar de acordo com a cidade ou o Estado da Federação. As informações que levantamos acima são referentes aos zeladores que exercem função em São Paulo.

Manutenção predial

A primeira e principal função do zelador é cuidar da manutenção do condomínio e, para isso, suas principais atribuições são:

  • Fiscalizar o uso das áreas comuns pelos condôminos, inquilinos e visitantes;
  • Verificar o funcionamento das instalações elétricas e hidráulicas do empreendimento, assim como dos aparelhos de uso comum;
  • Zelar pelo sossego e pela boa convivência no condomínio conforme o regimento interno e convenção;
  • Inspecionar corredores, pátios e áreas comuns do prédio;
  • Assegurar a limpeza, reparos, condições de funcionamento de elevadores, parte elétrica, hidráulica e de outros equipamentos;
  • Fazer manutenção e reparos simples nos equipamentos, desde que sejam ajustes pequenos e que o zelador tenha conhecimento básico para tarefa;
  • Cuidar da higiene das dependências e instalações, supervisionando a limpeza;
  • Executar serviços de manutenção geral, como troca de lâmpadas e fusíveis.

Gestão de funcionários

Também faz parte das principais funções do zelador auxiliar o síndico no gerenciamento dos demais empregados do condomínio, como:

  • Distribuir as tarefas diárias de faxina e limpeza do condomínio;
  • Fiscalizar o andamento do trabalho de todos os funcionários.
  • Comunicar ao síndico ou à empresa administradora quaisquer irregularidades ocorridas;
  • Realizar treinamentos com novos funcionários.
  • Encarregar-se da recepção, conferência, controle e distribuição de correspondências;
  • Realizar o controle dos horários de entrada e saída dos funcionários;
  • Distribuir as tarefas diárias de faxina e limpeza do condomínio;
  • Fiscalizar a atuação dos funcionários e prestadores de serviços;
  • Manter uma comunicação clara e respeitosa com funcionários e condôminos;
  • Atender e orientar os moradores e visitantes em assuntos pertinentes ao condomínio.

Supervisão de reformas e obras de manutenção predial

Supervisionar, obras, reformas e manutenções que ocorrem dentro do condomínio também é responsabilidade do zelador. O profissional deve:

  • Acompanhar e fiscalizar serviços de reparos e manutenção das áreas de convivência.
  • Reportar ao síndico quaisquer imprevistos durante as obras, inspecionar e zelar pela prestação do serviço;
  • Ser notificado quando algum morador for fazer reformas que interfiram na rotina do condomínio;
  • Auxiliar a equipe da portaria no cadastro dos prestadores de serviço.
  • Realizar pequenos reparos e requisitar profissionais habilitados para serviços técnicos. O zelador não pode executar tarefas de manutenção ou execução de serviços que exijam conhecimento técnico e coloquem em risco sua segurança pessoal;
  • Supervisionar a manutenção de máquinas, motores, bomba d’água e dos demais equipamentos e instalações do condomínio;
  • Acompanhar a visita de técnicos das concessionárias de água, luz e telefonia;
  • Auxiliar nos serviços de emergência;
  • Dar suporte ao síndico no acompanhamento do controle de manutenção dos equipamentos do condomínio.

Suporte aos moradores

Por fim, a última função do zelador é estar disponível para oferecer suporte aos moradores:

  • O zelador precisa estar disponível para auxiliar e orientar os moradores sobre problemas estruturais que possam surgir nas unidades;
  • Alertar os condôminos sobre as regras de segurança e notificá-los quando estas não estiverem sendo seguidas;
  • Deve ter noções de funcionamento de equipamentos para observar possíveis problemas e lidar com prestadores de serviços.
  • Auxiliar na identificação de vazamentos nos apartamentos;
  • Repassar reclamações dos moradores ao síndico.

Conclusão

Agora que você já sabe quais são as funções e responsabilidades do zelador, fica mais fácil contratar um ou até mesmo orientar melhor o seu profissional, para que também fique claro para ele o que precisa ser feito.

O conteúdo te ajudou e esclareceu suas dúvidas? Comente e compartilhe em suas redes sociais!

Precisa de capital para seu condomínio? Confira o empréstimo para condomínio com as menores taxas do mercado.


CashMe

Escrito por CashMe

Equipe de redação de CashMe. Todos os conteúdos são revisados por especialistas do ramo e atualizados periodicamente.


Separamos mais essas notícias para você:

Faça seu comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa política de privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

CONCORDAR E FECHAR