Dia de São João: saiba como comemorar a data que deu origem à Festa Junina

Dia de São João: saiba como comemorar a data que deu origem à Festa Junina
ícone de calendario

Atualizado:
24/06/2021

ícone de calendario

Publicado:
24/06/2021

ícone de relógio

Leitura de
4 min

ícone de conversa

Comentarios
0

Redação CashMe

Redação CashMe


O Dia de São João é uma das comemorações que fazem parte do calendário da Igreja Católica no mês de junho. Além da data, comemorada em 24 de junho, também são comemorados os dias de Santo Antônio (dia 13) e o dia de São Pedro (dia 29), o que torna junho um mês cheio de festividades.

A festa é uma tradição de norte a sul do Brasil no mês de junho, chegando a ser feriado em alguns estados e municípios. Ela é caracterizada por danças, comidas, decorações e muitos outros costumes, e é comemorada em escolas e organizações locais, além das igrejas católicas.

No texto de hoje, você conhece um pouco mais sobre a história e as tradições que envolvem a celebração, além de conferir dicas de como não deixar de celebrar, mesmo em meio à pandemia do coronavírus. Boa leitura!

A origem da festa

A Festa de São João tem origem na Idade Média, quando a Igreja Católica começou a substituir os rituais realizados para deuses pagãos por festas dedicadas aos santos.

O dia 24 de junho era celebrado em comemoração ao solstício de verão no hemisfério norte e à renovação da natureza. A data foi assimilada pelo cristianismo e passou a representar o Dia de São João, cujas festividades costumam ocorrer na noite anterior. 

Na tradição cristã, o santo foi responsável por anunciar a vinda de Cristo para salvar a humanidade e renovar todas as coisas. Foi ele quem batizou Jesus no rio Jordão. Vários símbolos de sua história compõem a Festa Junina, juntamente com os ritos de colheita anteriores à cristianização da festa.

As festas juninas no Brasil

Inicialmente, a festa era chamada de joanina, em referência a São João, mas passou a ser chamada de “junina” no Brasil, por acontecer em junho. A tradição veio de Portugal e de imigrantes de outros países cristianizados. Aqui, a festa incorporou os costumes indígenas e afro-brasileiros.

Típica da região Nordeste, a festa representa a gratidão aos santos pelas chuvas nas lavouras e impulsiona a economia local. As duas maiores festas juninas do Brasil duram 30 dias e são realizadas em Caruaru (PE) e Campina Grande (PR). 

Nos estados de Pernambuco e Alagoas, o dia de São João é feriado. Este também é um feriado municipal nas cidades onde o santo é padroeiro e em outras que homenageiam o santo. A festa também é uma tradição no interior de São Paulo, com quermesses e danças de quadrilha em torno de fogueiras. 

Tradições juninas

Comidas

Doces e salgados que levam milho na receita são tradicionais da festa: canjica, pamonha, curau, pipoca e bolo de milho. Arroz doce, pé de moleque, cocada, doce de abóbora e de batata doce, paçoca, cuscuz e bebidas como vinho quente e quentão também compõem a culinária típica da festa.

Arraial 

Arraial é o local onde os festejos juninos acontecem. Normalmente, é decorado com bandeirinhas, balões e palha. Barracas com os quitutes juninos também compõem a decoração. 

Fogueira

Um dos símbolos mais importantes da tradição tem origem na celebração do solstício de verão. A prática é associada a outras tradições populares, como a quadrilha caipira e o forró. 

Balões e fogos de artifício

Esses itens estão relacionados ao uso da fogueira junina. Espetáculos pirotécnicos são uma parte essencial da festa junina nordestina e servem para despertar São João, de acordo com a tradição popular.

Mastro de São João

O mastro é erguido durante a festa para celebrar os três santos juninos. Essa tradição também tem origens pagãs, embora seja bastante enraizada pelo cristianismo.

Quadrilha

A origem da quadrilha é francesa e era muito popular entre os aristocratas do século XVIII, espalhando-se por toda a Europa. As elites portuguesas e brasileiras trouxeram essa tradição no século XIX, quando se popularizou no Brasil e se misturou com outras danças nacionais. 

Como celebrar as festas juninas durante a pandemia por COVID-19?

Em tempos em que é necessário manter o distanciamento social, uma das festas mais populares do Brasil também foi afetada. Mas, isso não significa que ela foi cancelada. 

Quem quer festejar em casa pode fazer comidas típicas, decoração com bandeirinhas e estampas xadrez, sem esquecer da playlist com músicas tradicionais. Também é possível usar ainda mais a criatividade para fazer decorações com o que você possui em casa, como fogueiras de papel e mesa posta com tema junino.

Além disso, não faltam opções de brincadeiras. É possível reunir os amigos por vídeo chamada para brincar de bingo ou improvisar uma pescaria para as crianças. Envolver os pequenos é uma ótima atividade, já que muitas escolas que normalmente promovem esse tipo de comemoração estão impossibilitadas devido à pandemia.

Os festejos de São João são a fonte de lucro de muitas famílias. Quem quer comemorar e ainda aproveitar para contribuir com essas pessoas, ainda pode adquirir kits juninos, que podem vir apenas com pratos típicos ou incluir decorações e bebidas.

Conclusão

A festa junina é uma das comemorações mais tradicionais do Brasil, e tem sua origem em tradições cristãs. Muitos dos elementos tradicionais têm origem em rituais pagãos e foram assimilados ou substituídos. 

Por aqui, há celebrações em todos os estados, mas com a pandemia do coronavírus, a festa também sofreu restrições. Contudo, ainda é possível celebrar em sua própria casa usando muita criatividade e alegria.

Se você está entre as pessoas que têm os festejos juninos como fonte de lucro e está passando por dificuldades com o cancelamento das grandes festas, então, você precisa conhecer nosso serviço de empréstimo online com juros reduzidos para te ajudar a passar por essa dificuldade.

Conte para nós nos comentários o que você mais gosta nos festejos juninos.


Redação CashMe

Escrito por Redação CashMe

Equipe de redação de CashMe. Todos os conteúdos são revisados por especialistas do ramo e atualizados periodicamente.


Separamos mais essas notícias para você:

Faça seu comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

A CashMe utiliza cookies para melhorar a funcionalidade e o desempenho deste site, para mais informações acesse nossa Política de Privacidade.