Dia Nacional de Combate ao Câncer é comemorado em 27 de novembro

Dia Nacional de Combate ao Câncer é comemorado em 27 de novembro
ícone de calendario

Atualizado:
25/10/2021

ícone de calendario

Publicado:
14/11/2021

ícone de relógio

Leitura de
4 min

ícone de conversa

Comentarios
0

Redação CashMe

Redação CashMe


Comemorado anualmente em 27 de novembro, o Dia Nacional de Combate ao Câncer é uma das datas mais importantes do calendário brasileiro. Além de alertar sobre os diversos tipos de tratamento, tem como objetivo propagar ações de diagnóstico precoce para a população.

O câncer figura em segundo lugar como um dos maiores causadores de óbitos no mundo. Segundo dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), cerca de 9,6 milhões de pessoas morrem por conta da doença todos os anos. A previsão para as próximas décadas é pessimista e acredita-se que a doença atingirá o primeiro lugar.

No Brasil, o Instituto Nacional de Câncer (INCA) é o principal responsável por desenvolver pesquisas e apontar ações para a prevenção da doença. E o Dia Nacional do Combate ao Câncer é utilizado como uma forma de alertar sobre os riscos, além de estimular o diagnóstico precoce.

No texto a seguir, separamos as informações mais importantes sobre a evolução no tratamento, os tipos mais comuns de câncer e como a tecnologia se tornou uma importante aliada na detecção e prevenção da doença. Confira!

Quais são os tipos de câncer que mais afetam as pessoas?

Os dados globais sobre a incidência de câncer na população vêm crescendo anualmente. Em 2020, foram registrados mais de 15 milhões de casos em todo o mundo, sendo 10 milhões de mortes. Entre os principais responsáveis pela alta taxa de mortalidade, o câncer de pulmão, mama e colorretal são os mais letais.

Por ser uma doença que se propaga de maneiras distintas entre cada tipo, é importante que seja monitorada antes mesmo de qualquer suspeita.

Apesar do avanço nos tratamentos e na detecção da doença, os casos de câncer continuam evoluindo em todo o mundo. Segundo um levantamento geral, estima-se que o número de casos deve dobrar e até triplicar nas próximas décadas. Em parte, porque tem sido cada vez mais fácil identificar a doença – mesmo em estágios iniciais.

Gênero, idade e predisposição são alguns dos fatores que contribuem para uma maior atenção. Enquanto o câncer de próstata atinge a população masculina, para as mulheres a principal preocupação é em relação ao câncer de mama.

O cenário do câncer no Brasil

O Dia Nacional de Combate ao Câncer foi instituído pelo Ministério da Saúde, de forma oficial, em 1988, por meio da portaria GM nº 707. A partir disso, passou a trabalhar em parceria com o Inca para desenvolver campanhas de conscientização sobre os vários tipos de câncer, além de formas de evitar o avanço da doença.

No Brasil, as pesquisas realizadas pelo INCA apontam o câncer de pele como o de maior incidência sobre a população brasileira. Além dele, figuram no top 5 os cânceres de próstata, mama, cólon, fígado e estômago. 

A evolução no tratamento do câncer

Apesar de dados alarmantes sobre a incidência de câncer na população, há também boas notícias sobre o tratamento e a prevenção da doença. Como dito anteriormente, há certa relação no aumento do número de casos com um maior cuidado no diagnóstico prematuro.

A detecção do câncer em estágio inicial facilita o tratamento e reduz as chances de morte consideravelmente, dependendo do tipo de câncer. A mamografia, por exemplo, é uma das principais aliadas para o tratamento do câncer de mama em mulheres. 

Em caso de confirmação da doença, o tratamento do câncer é realizado em diferentes frentes e de forma multidisciplinar. Isso significa um acompanhamento por vários médicos e especialistas, além de alternativas de acordo com a preferência do paciente. 

Nutricionistas, psicólogos, fisioterapeutas e médicos especialistas trabalham em conjunto para garantir um tratamento menos invasivo e confortável para o paciente. A evolução da oncologia caminha junto com a evolução da tecnologia, oferecendo soluções eficientes para os métodos terapêuticos. 

Como a tecnologia se tornou aliada no tratamento do câncer

Uma das principais finalidades do Dia Nacional de Combate ao Câncer é reunir a comunidade médica para discutir e apresentar ideias inovadoras para a busca de curas eficazes para a doença. E a tecnologia tem sido a principal aliada para a detecção, tratamento e prevenção do câncer.

Soluções como a Internet das Coisas e a Inteligência Artificial contribuem para uma análise menos invasiva sobre os diferentes tipos de câncer, além de apresentar detalhes sobre a doença desde os estágios mais iniciais. Dessa forma, é possível traçar um tratamento adequado antes mesmo de a doença se manifestar.

Os recursos tecnológicos têm como objetivo principal, otimizar o dia a dia dos profissionais da saúde, mas não só eles. Pacientes e familiares também se beneficiam da tecnologia para encontrar tratamentos mais confortáveis para seus entes queridos. Nesse ponto, a telemedicina é um importante avanço da área.

Com o avanço dos diagnósticos, a modernização de hospitais e os novos modelos de exames detectores, a luta árdua pela cura do câncer vem caminhando a passos largos de encontrar soluções, de fato, eficientes. Porém, a prevenção continua sendo a melhor forma de lidar com essa adversidade. 

Dicas para prevenir o câncer

Conhecer os principais tipos de câncer e tratamentos é essencial para uma convivência mais pacífica com a doença. Ainda assim, a prevenção continua sendo o recurso mais valioso para fugir do câncer. Os hábitos saudáveis são a melhor forma de fortalecer o sistema imune e fortalecer o tratamento.

  • Não fume;
  • Mantenha uma alimentação saudável e livre de alimentos ultraprocessados;
  • Pratique atividades físicas;
  • Vacine-se contra o HPV e a Hepatite B;
  • Faça atividades ao ar livre;
  • Evite a exposição ao sol entre 10h e 16h, mas curta momentos ao ar livre para fortalecer a Vitamina D;
  • Agende um check up anual no médico.

Conclusão

O Dia Nacional de Combate ao Câncer vai muito além de alertar a sociedade sobre os riscos e possíveis tratamentos para a doença. A data estimula a discussão e a pesquisa sobre novas soluções para diminuir os índices globais da doença, além de contribuir para um maior investimento em pesquisa por parte dos governos.

Com expectativa de 47% de aumento nos casos de câncer até 2040, sobreviverão as nações que souberem adotar medidas de prevenção, diagnóstico e alocação de recursos para os tratamentos certos de cada tipo da doença. No dia a dia, os hábitos saudáveis são o principal aliado para nos mantermos longe das estatísticas.

Gostou do conteúdo? Compartilhe com os amigos e comece hoje mesmo a dar um boost na sua saúde. A CashMe apoia essa ideia!


Redação CashMe

Escrito por Redação CashMe

Equipe de redação de CashMe. Todos os conteúdos são revisados por especialistas do ramo e atualizados periodicamente.


Separamos mais essas notícias para você:

Faça seu comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

A CashMe utiliza cookies para melhorar a funcionalidade e o desempenho deste site, para mais informações acesse nossa Política de Privacidade.