Dia Nacional da Pecuária: saiba porquê ela é importante para a economia do Brasil

Dia Nacional da Pecuária: saiba porquê ela é importante para a economia do Brasil
ícone de calendario

Atualizado:
24/09/2021

ícone de calendario

Publicado:
03/10/2021

ícone de relógio

Leitura de
4 min

ícone de conversa

Comentarios
0

Redação CashMe

Redação CashMe


No dia 14 de outubro é celebrado o Dia Nacional da Pecuária, atividade que é uma das que mais impulsiona a economia do Brasil.

Em 2019, a pecuária de corte, que tem como objetivo produzir carne para consumo, movimentou R$ 618,50 bilhões. Além disso, o país está entre os que mais exportam carne para o exterior.

Dá para ver o quanto este setor é importante, então, vem com a gente conhecer mais sobre o universo da pecuária!

Como é a pecuária no Brasil

Com a criação, principalmente, de aves, suínos e gado bovino, a pecuária brasileira se destaca a nível mundial.

Desde a segunda metade do século XX a atividade rural passou por um intenso processo de modernização, que foi resultado da consolidação das indústrias e urbanização da sociedade. Com isso, a pecuária teve um grande salto produtivo, uma vez que precisava abastecer as cidades.

Gado

A criação de gado bovino é um dos principais produtos e atende tanto a demanda interna, quanto para exportação. Normalmente os pastos se concentram em grandes propriedades, com mais de mil hectares, para que os animais tenham espaço suficiente para viverem e se alimentarem.

Existem diversas espécies de gado e elas são divididas a partir de algumas características, como fertilidade, origem, facilidade de adaptação e peso. No Brasil, algumas das raças mais comuns de serem criadas, são:

  • Nelore;
  • Angus;
  • Brahman;
  • Brangus;
  • Tabapuã.

Aves

A avicultura, criação de aves, tem como destaque a produção de carne de frango e coloca o Brasil em terceiro lugar entre os maiores produtores mundiais. Em 2020, houve um crescimento de 4,5%, comparado ao ano anterior.

Além da carne de corte, a avicultura é responsável pela produção de ovos, alimento rico em nutrientes e muito consumido pelos brasileiros. Dados da Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), calculam que, em 2020, cada brasileiro consumiu 250 unidades de ovo no decorrer do ano.

Suínos

A produção de carne de porco segue em uma crescente, com números relevantes tanto produzindo quanto exportando. De maneira que, entre os maiores produtores, o Brasil se encontra na quarta posição mundial.

E é na região Sul do país que estão localizados os estados que se destacam nesse quesito, são eles: Santa Catarina, Paraná e Rio Grande do Sul.

Vale lembrar que, além disso, a atividade pecuária envolve outros produtos tão importantes quanto as carnes.  Como por exemplo, a produção de leite e mel, matérias-primas como couro, lã e seda que são usadas na indústria têxtil e de calçados.

Por que a pecuária é uma atividade tão importante?

Sem dúvida, a exportação de carnes brasileiras é essencial para a economia do país. Em agosto, a venda alcançou a inédita marca de US$ 2,09 bilhões em carnes transacionadas para o exterior. Até o momento, este é o recorde para o período, desde o começo da série histórica em 1997.

A produção pecuária chega a centenas de países da Europa e Ásia, além dos Estados Unidos, tendo como destaque a maior procura por carne bovina. Enquanto isso, para atender a demanda interna, o brasileiro consome mais aves e suínos.

Apoio aos produtores

Para quem já atua ou deseja se tornar um pecuarista é essencial contar com subsídios como linhas de crédito que garantem o desenvolvimento da produção.

O BDNES, por exemplo, oferece diversos programas de financiamento destinados aos produtores pecuários.

– Agricultura de Baixo Carbono: para tornar o agronegócio mais sustentável;

– BNDES Agro: com o objetivo de aumentar a capacidade de armazenamento das agroindústrias;

– BNDES Crédito Rural: para financiar projetos de investimento e compra de maquinário;

– Inovagro: apoia o investimento em tecnologias nas propriedades rurais;

– Moderagro: apoia investimentos nos setores de produção, beneficiamento, industrialização, acondicionamento e armazenamento de produtos agropecuários;

– Procap-agro: garante capital de giro para cooperativas de produção agropecuária.

Ainda assim, grandes instituições financeiras como Bradesco, Banco do Brasil ou Santander também oferecem programas de crédito para o setor. Sem esquecer das cooperativas que são especializadas nesse tipo de financiamento.

Desafios da pecuária

Entretanto, no Dia Nacional da Pecuária, não podemos deixar de mencionar que apesar de primordial para a economia, estamos falando de uma atividade que impacta o meio ambiente em diversos sentidos.

Sobretudo a questão do aquecimento global e do efeito estufa, que está relacionada ao processo de criação bovina em larga escala. Isso porque, as flatulências dos animais contêm gás metano – uma substância nociva à atmosfera.

Outro ponto são os desmatamentos que tem como finalidade a preparação de terreno para pastagem e este mesmo território sofre com a erosão, como resultado do caminho feito diariamente pelos gados.

De maneira gradativa, o setor está se conscientizando e os produtores começam a investir em tecnologias e, principalmente, em ações que visam aumentar a sustentabilidade ambiental da atividade.

Práticas sustentáveis

Desde ajustes na dieta dos animais, manuseio adequado das pastagens até melhorias na genética das raças, são diversas as alternativas para alcançar índices menores de emissão de gases e proporcionar uma produção mais sustentável.

Sistema de Pastoreio Racional

Garante um equilíbrio na relação solo-capim-gado, de maneira que o animal é estimulado a se alimentar sempre perto do seu local de desenvolvimento. Assim diminui-se o trajeto percorrido diariamente.

Manejo de pastagem

Trata-se do rodízio do rebanho entre os piquetes, que são espaços delimitados para circulação, assim, enquanto uns ficam em repouso, outros usam o piquete. A prática favorece a captação de carbono, visto que a vegetação cresce e aumenta a fotossíntese.

Uso de bebedouros

Instalar recursos hídricos nos piquetes, evita que o animal procure rios ou córregos para se hidratar. Desta maneira, protege tanto o solo contra a erosão quanto a água de ser contaminada.

Conclusão

Conforme vimos, a pecuária é essencial e está em constante aprimoramento para que continue sendo um dos pilares econômicos, mas feita com sustentabilidade.

Para quem se interessa em investir no segmento ou já é um produtor, é necessário manter-se em dia com toda estrutura usada na criação dos animais, seja com chocadeiras – no caso das aves -, estufas, ração, remédios e complementos vitamínicos, por exemplo.

Se precisar de apoio financeiro para essas aquisições e muitas outras, conte com a CashMe! Temos o empréstimo com imóvel em garantia que oferece taxas inferiores a 1%, além de até 240 meses para pagar o valor contratado.

Gostou do conteúdo? Então compartilhe em suas redes sociais.


Redação CashMe

Escrito por Redação CashMe

Equipe de redação de CashMe. Todos os conteúdos são revisados por especialistas do ramo e atualizados periodicamente.


Separamos mais essas notícias para você:

Faça seu comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *